A Campanha Janeiro Branco dedica o mês inteiro para a conscientização da importância do cuidado com a saúde mental. Esse ainda é um assunto pouco discutido e cercado de muitos tabus. Para muitos, ir ao psicólogo ou ao terapeuta ainda é considerado “coisa de doido”. Entretanto, entender e debater sobre sentimentos e angústias é importante para evitar o adoecimento emocional da humanidade.

Dar atenção para a saúde física é muito natural e comum na nossa cultura. Muitas pessoas vão com frequência ao dentista ou clínico geral, mas deixam em segundo plano a atenção aos problemas psicológicos que atingem a qualidade de vida.

Transtornos de ansiedade e depressão estão cada vez mais comuns devido a correria da vida moderna. Segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), os transtornos mentais atingem cerca de 700 milhões de pessoas por todo o mundo. Os sintomas muitas vezes paralisam as pessoas que sofrem com esses transtornos e poucos compreendem esse momento. Por isso é tão importante se informar e sempre acolher àqueles que sofrem com sua saúde mental.

Formas de prevenir transtornos mentais

Para aumentar o bem-estar coletivo existem algumas estratégias que permitem a prevenção de transtornos psicológicos. Confira algumas delas:

  1. Incentivar check-ups regulares e consultas com psicólogos e/ou terapeutas;
  2. Ter uma vida saudável através de uma boa alimentação e da prática de atividades físicas;
  3. Manter laços de afeto, seja com familiares, amigos ou no trabalho;
  4. Ter uma mente ativa através de leituras, trabalhos, meditação ou qualquer exercício que te faça estar presente no momento.

Se você sente que a sua mente atrapalha sua qualidade de vida, não hesite em procurar um médico. Os transtornos e doenças psicológicas são como as doenças físicas e podem ser tratadas e prevenidas.

Cuide da sua mente e tenha uma vida melhor!

Ajustar fonte

AVISO

Tendo em vista o encerramento do contrato, o Hospital Estadual de Pirenópolis não é mais gerido pelo Instituto Brasileiro de Gestão Hospitalar - IBGH.

As informações constantes neste site referem-se ao período em que a gestão da unidade de saúde estava sob responsabilidade do instituto e estão sendo mantidas em cumprimento às leis de transparência vigentes.